GERAL

GERAL/style

POLICIAL

POLICIAL/style

Acompanhe as principais notícias sobre política em Imperatriz

Confira a lista de concursos e seletivos abertos no Maranhão

POLÍTICA

POLÍTICA/style

ESPORTE

ESPORTE/style

CULTURA

CULTURA/carousel

OPORTUNIDADES

EMPREGO/block

POESIA DE UMA CRIANÇA PARA MADEIRA 4512

Solenidade de Corpus Christi tem recorde de público em Imperatriz


Publicado em 1 junho de 2018
Fonte: Maranhão Notícias 
Edição André Gomes 

Mais de 21 mil pessoas participaram da celebração especial, segundo estimativa de organizadores.

IMPERATRIZ – Fé e emoção marcaram a celebração de Corpus Christi, nessa quinta-feira (31), em Imperatriz. O Estádio Frei Epifânio ficou pequeno para tanta gente, público estimado em mais de 21 mil pessoas oriundas de toda a Região Tocantina maranhenses, além de cidades de Estados vizinhos como Tocantins e Pará.

Desde a abertura dos portões do estádio, às 15h, os fieis começaram a chegar usando a camiseta que compõe o kit oficial do evento. A partir das 16h foi iniciado rito da celebração com a acolhida, cânticos de entrada, procissão e leituras do dia, entre outros.

Durante a homilia, o bispo Dom Vilso Basso aproveitou para falar da importância de ajudar o próximo e anunciou que a renda obtida com a comercialização dos kits da Solenidade de Corpus Christi será destinada aos projetos sociais mantidos pela diocese como a Fazenda da Esperança (antiga Casa do Senhor), voltada para recuperação de dependentes químicos, Lar Vila João XXIII, que atende portadores de hanseníase e anunciou um novo projeto. Dom Vilso revelou que a diocese vai construir uma casa para atender dependentes químicos do sexo feminino, em João Lisboa.

O altar com o Santíssimo ficou em destaque. (Foto: João Mauricio Martins-Divulgação).

O religioso, também, aproveitou para agradecer a presença dos fieis, das autoridades e fez uma referência ao seu antecessor, Dom Gilberto Pastana de Oliveira, atualmente bispo de Crato(CE). Ele destacou a grandeza da celebração que teve inicio a partir do empenho do então bispo Dom Gilberto Pastana.

Momentos marcantes

Como vem se tornando comum nas últimas edições, um helicóptero sobrevoa o estádio e despeja uma chuva de rosas. Devido a greve de caminhoneiros as rosas foram substituídas por papel picado. A mudança não afetou o brilho do evento e a cena arrancou aplausos de participantes.

O historiador e coordenador da área de formação da Diocese de Imperatriz, José Nilson Oliveira não escondeu sua emoção com o evento. Ele explicou que a celebração de Corpus Christi é uma celebração especial porque é a reafirmação do rito pascal e um dos momentos mais fortes da vida do cristão católico.

Durante a solenidade, um momento forte foi o da comunhão. Depois a iluminação do estádio foi desligada para dar lugar as velas acessas, um sinal de união e de fé dos fieis que visa demonstrar que a luz de cada um é capaz de iluminar a todos.

O momento em que as velas foram acesas. (Foto: João Mauricio Martins-Divulgação).

Após a celebração no estádio, os fieis saíram em procissão pelas principais ruas do Centro, até a praça de Fátima, onde foi concedida a benção final e encerramento do evento.

Nenhum comentário

POESIA DE UMA CRIANÇA PARA MADEIRA 4512

VIDEO PUBLICIDADE