Slider

Oportunidades



Geral

Política

Economia

Polícia

Cultura

Esporte

» » » JORNALISTA GARANTE TER TIDO CONTATO DE PRIMEIRO GRAU COM OVNI


Relatos de aparições de OVNIS nessa região vêm da década de 1970

O jornalista e ambientalista Domingos Cezar Ribeiro, membro da Academia Imperatrizense de Letras, garante ter tido na madrugada do último Domingo, 7 de Maio, um “contato imediato de Primeiro Grau (CI-1)” com um Objeto Voador Não identificado (OVNI).

A aparição, conforme relata o jornalista, ( veja a entrevista) ocorreu nas imediações do campo de futebol do povoado Jatobal, às margens do Rio Tocantins, no município de Praia Norte (TO)

Contato Imediato de Primeiro Grau, ou CI-1, é como o Centro Brasileiro de pesquisas de discos voadores (CBPDV) define a observação de óvnis a curta distância o que permite captar alguns detalhes do objeto que é o que o jornalista afirmar ter presenciado.

“Era um objeto tão brilhante quanto a lua”, informou Domingos Cezar. Ele ressaltou não ter sido a primeira pessoa residente no povoado a presenciar, e ,em certas ocasiões, até ser perseguido por esses objetos.


O assunto apesar de não ser novo é pouco investigado nessa banda do Brasil, que é pródiga nessas aparições. Anos atrás o jornalista João Rodrigues (ex-Mirante) chegou a fazer uma ampla matéria sobre o assunto publicada pela conceituada revista UFO; depois disso, não se falou mais no assunto. Na época a matéria foi provocada por supostas ocorrências no povoado Coquelândia, no município de Imperatriz (MA). Coincidência ou não o Povoado Jatobal, apesar de ser no Estado do Tocantins, fica na mesma região geográfica de Coquelândia.

Pelo que o blog apurou, relatos de aparições de OVNIS nessa região vêm desde 1977 quando foram registrados Contatos Imediatos de Primeiro Grau, não só na região tocantina mas, também, em municípios da chamada região do Bico do Papagaio, no Norte do Estado do Tocantins. A Serra do Estrondo, no município de Axixá, por exemplo, teria sido palco de diversos desses contatos.

Em meados da década passada relatos de aparições de objetos voadores não identificados (OVNIS) nesse lado do Estado do Maranhão voltaram a ser noticia. Objetos luminosos estranhos foram vistos na região do município de Senador La Roque, e novamente pras bandas do Povoado Coquelândia,

Em 2004 o ambulante conhecido por Pipoquinha, era assim que em vida gostava de se chamado, afirmou ter sido perseguido por um “disco voador ”, do Parque de Exposições, até sua casa no Conjunto Planalto. O fenômeno teria ocorrido no mês de julho durante a madrugada

“Acabava de sair do Parque de Exposições na garupa do mototaxista Misael, depois da meia noite, quando duas luzes muito fortes em forma de discos começaram a nos perseguir. Por pouco não caímos da moto” relembra o pipoqueiro

“Sei que tem muita gente que não acredita em mim, mas é a mais pura verdade. A perseguição só acabou quando chegamos ao Conjunto Planalto, deixamos a moto e corremos pra dentro de casa” disse na época o pipoqueiro, vítima de um infarto ano passado.

O assunto volta novamente ao noticiário agora com o relato do jornalista Domingos Cezar. “ Definitivamente não estamos sozinhos nesse universo” disse ele que considera um privilégio de Deus ter tido esse contato.

Veja a classificação, conforme os especialistas, dos encontros com fenômenos ufológicos ou a relação entre humanos e extraterrestres
Contato Imediato de Zero Grau (CI-0)
É a observação do óvni a grande distância. Foi o que teria acontecido com a cantora Suzana Alves, a Tiazinha, que em 2001 divulgou o vídeo de um suposto disco voador (na verdade, era um dirigível da Goodyear com publicidade)
Contato Imediato de Primeiro Grau (CI-1)
A observação é realizada a curta distância, o que permite captar alguns detalhes do óvni, como janelas, pontos de luz, anexos, etc.

Contato Imediato do Segundo Grau (CI-2)
Ocorre quando o óvni pousa ou sobrevoa um determinado local, deixando indícios fortes de sua passagem (como vegetação queimada, marcas no solo, fragmentos, etc.), além de provocar perturbações em pessoas e animais
Contato Imediato de Terceiro Grau (CI-3)
É possível observar tripulantes do óvni (dentro ou fora dele), sem que haja, no entanto, qualquer tipo de comunicação com eles
Contato Imediato de Quarto Grau (CI-4)
Ocorre quando, além da observação de tripulantes do óvni, há algum tipo de comunicação – palavras, gestos, telepatia – com os seres, como se viu no filme E.T., de Steven Spielberg
Contato Imediato de Quinto Grau (CI-5)
É o contato mais íntimo entre humanos e extraterrestres. O observador chega a entrar no óvni, voluntariamente ou não. Se for à força, fica caracterizado um seqüestro, chamado na ufologia de abdução. A cantora Elba Ramalho afirma ter sido abduzida “várias vezes”

Por Élson Araújo  

«
Próxima Notícia
Postagem mais recente
»
Notícia Anterior
Postagem mais antiga