Slider

Oportunidades



Geral

Política

Economia

Polícia

Cultura

Esporte

Homem é encontrado morto no lixão de Imperatriz


Imperatriz: Dois elementos em uma moto Biz, assassinaram na manhã de sexta feira, Pedro Vitorino da Silva, 29 anos, ele foi morto dentro de um casebre no lixão de Imperatriz, a vitima era morador da Vila Macedo e tinha uma passagem pela policia por porte ilegal de arma de fogo e munição, prisão aconteceu em 12 de setembro de 2016. 

Este foi o terceiro homicídio do mês de dezembro em Imperatriz, Vitorino estava residindo em Imperatriz á menos de um ano, tinha vindo de Goiania.

Irmão degola o próprio irmão no interior do Maranhão

Um crime bárbaro chocou os moradores do Povoado Sinhá, no município de São José dos Basílios (cidade a 337 quilômetros de São Luís), nesta última quinta-feira (09).

Segundo informações obtidas o homem ainda não identificado foi assassinado a golpes de foice (a foice é uma antiga ferramenta agrícola, que tem a característica peculiar curvilínea) pelo seu próprio irmão. 

Os irmãos estavam em uma discussão banal, quando um se rebelou e degolou o outro. A vítima faleceu no local da ocorrência. Policiais militares conseguiram efetuar a prisão em flagrante do acusado logo após o homicídio.

Homem é preso aplicando golpes em Imperatriz

Osmar da Silva Mourão, de 56 anos, foi preso na manhã desta sexta-feira.
Osmar da Silva Mourão foi preso nesta sexta-feira. - Divulgação /Polícia Militar

IMPERATRIZ – Um homem identificado com Osmar da Silva Mourão, de 56 anos, foi preso na manhã desta sexta-feira (9), após aplicar um golpe numa idosa no momento em que ela fazia um saque numa agência bancária. Ele foi preso pela Polícia Militar e autuado por furto qualificado.

De acordo com informações do delegado Diego Schianini, o homem faz parte de uma quadrilha especializada nesse tipo de crime. Osmar da Silva e dois homens, costumam atuar nos caixas eletrônicos, distraindo as vítimas para roubar o dinheiro.

Ainda de acordo com o delegado, os outros dois suspeitos não foram presos. Osmar da Silva Morão foi encaminhado para o Plantão Central da Polícia Civil e deve ser enquadrado pelo crime.

Fonte:Imirante/itz

Tragédia garoto de 12 anos morre eletrocutado em Imperatriz


Garoto de 12 anos morre de descarga elétrica no Parque das Estrelas

Imperatriz: Por volta das 16 hr e 30 min, dessa quinta-feira o garoto Jesrrel Barbosa, 12 anos morreu vitima de descarga elétrica em sua residencia, Rua Tamoios, Bairro Parque das Estrelas, próximo a Avenida Jacob, informações que o garoto teria ligado errado a tomadas das luzes de LED que estavam dentro da piscina, em vez de ter ligado a tomada da hidromassagem, suspeita que os fios das luzes de LED estavam dando mal contato, causado pela chuva dia anterior. A equipe do SAMU foi até ao local e constatou o óbito.

Fonte: blog notícia da foto

Relator entrega na CCJ da Câmara parecer favorável à reforma da Previdência


Deputado Alceu Moreira deve ler o relatório na comissão na próxima segunda-feira (12); Planalto fez alterações no texto original nesta quarta (7).


Deputado Alceu Moreira (PMDB-RS) entrega ao presidente da CCJ, Osmar Serraglio (PMDB-PR), relatório favorável à reforma da Previdência (Foto: Fernanda Calgaro)

Apenas dois dias após o governo enviar ao Congresso Nacional a reforma da Previdência Social, o relator da proposta na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, deputado Alceu Moreira (PMDB-RS), entregou nesta quinta-feira (8) parecer favorável à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que sugere mudanças nas regras previdenciárias. O parlamentar do PMDB deve detalhar o relatório aos integrantes da CCJ na semana que vem.

A proposta de reforma da Previdência – que foi enviada pelo governo federal ao Congresso na última terça-feira (6) – endurece as regras para a aposentaria.

Entre as mudanças sugeridas pelo Executivo federal está o estabelecimento de uma idade mínima de 65 anos para homens e mulheres se aposentarem. O trabalhador que desejar se aposentar recebendo a aposentadoria integral deverá contribuir por, pelo menos, 49 anos ao Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS).

O parecer apresentado nesta quinta por Alceu Moreira não trata do mérito da proposta de reforma previdenciária. Nessa primeira etapa, é avaliado apenas se a proposta está em conformidade com a Constituição e com o sistema jurídico brasileiro. A análise do teor da matéria caberá a uma comissão especial, que será formada após votação do parecer na CCJ.

Uma sessão da CCJ deverá ser convocada para a tarde de segunda-feira (12) para a apresentação do parecer aos membros do colegiado. Em seguida, a expectativa é que seja concedido pedido de vista (mais tempo para análise), o que deve adiar a votação do texto por duas sessões. Com isso, a votação poderá ficar para quarta-feira (14).

Moreira chegou a entregar o seu parecer na tarde desta quarta, mas a CCJ o devolveu para que o relator fizesse uma nova análise, já que o governo fez retificações ao texto original.

Foi retirada da PEC a previsão de que policiais militares e bombeiros passariam a seguir as regras dos servidores civis. Os estados ficariam a cargo de definir apenas a regra de transição para as categorias.

O governo também alterou trecho da PEC para permitir que os militares possam acumular aposentadorias e pensões, algo que vai ser proibido para os demais trabalhadores.

Moreira já havia dito na quarta que o seu relatório seria pela admissibilidade. “O projeto não fere cláusula pétrea, porque assegura que direitos adquiridos não serão mexidos”, afirmou na ocasião. Ele ressaltou ainda que “expectativa de direito não é direito adquirido”.

Questionado sobre a velocidade em que apreciou o texto, o deputado disse que teve acesso oficialmente ao projeto na tarde de terça, mas que já tinha conhecimento de pontos da matéria desde segunda-feira (5). “Eu sou o The Flash”, brincou na quarta.

A Reforma da Previdência é uma das principais medidas do governo para tentar reequilibrar as contas públicas. O governo federal estima que vai economizar cerca de R$ 740 bilhões em 10 anos, entre 2018 e 2027, com as mudanças propostas.

Em seu parecer, Moreira afirma que o conteúdo da proposta não fere nenhum princípio constitucional, como a “forma federativa de Estado”, o “voto direto, universal e periódico”, a “separação dos poderes” e os “direitos e garantias individuais”.

Segundo o relator, foram atendidos todos pressupostos constitucionais e regimentais para sua apresentação e apreciação no Congresso.

Ele observa, porém, que há algumas incongruências no texto, como a data a partir da qual a PEC teria vigência: em alguns momentos, a proposta diz que é a data de sua promulgação, mas em outros diz que seria a data de publicação.


Além disso, segundo Moreira, há inconsistências nas referência que alguns artigos fazem a outros dispositivos da PEC, o que, de acordo com o deputado, “pode prejudicar seriamente a compreensão do sentido do texto”. Entretanto, na avaliação dele, essas contradições poderão ser sanadas pela comissão especial.

No seu parecer, o parlamentar ponderou ainda que a reforma “tem o mérito de efetuar ajustes que permitem atender à capacidade financeira do Estado, respeitando-se a continuidade de uma atividade pública essencial”.

Tramitação

Com a aprovação na CCJ da Câmara, será instalada uma comissão especial que terá o prazo de 40 sessões do plenário para votar a proposta.

Depois, a PEC terá que ser apreciada em dois turnos no plenário, com intervalo de cinco sessões entre uma votação e outra. Para ser aprovada, a PEC precisa de pelo menos 308 votos (3/5 dos deputados) em cada uma das votações.

Depois de passar na Câmara, a PEC segue para o Senado, onde é analisada pela CCJ daquela casa legislativa e depois em dois turnos pelo plenário.

Se o Senado aprovar o texto como o recebeu da Câmara, a emenda é promulgada pelas Mesas da Câmara e do Senado. Se o texto for alterado, volta para a Câmara, para ser votado de novo.

Por Fernanda Calgaro, G1, Brasília

Prefeito eleito de São José de Ribamar quer unificar interesses das quatro cidades em torno da discussão de melhorias para a região


O prefeito eleito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB) irá propor uma agenda de debate permanente voltada à discussão de melhorias para a região metropolitana da grande São Luís.
As cidades que integram a região, além de Ribamar, são Raposa, Paço do Lumiar e a própria São Luís, capital. 

PIONEIRISMO O prefeito eleito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva: criação do Fórum Permanente de Discussão da Região Metropolitana.

O Fórum Permanente de Discussão da Região Metropolitana de concepção do tucano terá como objetivo promover a análise da realidade espacial, sociocultural e econômica do conjunto das cidades , visando obter soluções para problemas urgentes como insegurança, desemprego e ainda conceber estratégias integradas para implantação de projetos e programas sociais que beneficiem os habitantes da região.

O Fórum também prever a realização de reuniões bimensais com a participação dos gestores da Grande São Luís. Um dos objetivos de Luis Fernando Silva com a ideia é auxiliar o Governo do Estado no processo de desenvolvimento da região metropolitana a partir de radiografias sistemáticas, estudos e boletins a serem elaborados pelo Fórum. 

Funcionando como uma ferramenta da gestão pública na Grande Ilha, o Fórum Permanente de Discussão da Região Metropolitana será aberto à população que deverá encaminhar suas reinvindicações a uma ouvidoria a ser formada por profissionais que atuarão na gestão das respectivas cidades. 

Pioneiro, o empenho de Luis Fernando Silva em criar mecanismos de discussão visando o progresso e o desenvolvimento da região metropolitana vem sendo festejado em todo estado.

POR FERNANDO ATALLAIA

UNA-SUS/UFMA e FOUSP abrem inscrições para o curso de extensão em Odontologia


A UNA-SUS/UFMA e a Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (FOUSP) abrem inscrições para o curso de extensão Odontologia para pacientes com comprometimento sistêmico. São ofertadas 10.000 vagas, na modalidade de ensino a distância (EaD), para profissionais e acadêmicos de odontologia de todo o país. As inscrições podem ser realizadas via internet, pelo link: https://goo.gl/1UzJUS.

O curso visa à formação de profissionais com conhecimentos e habilidades para o reconhecimento dos principais aspectos e cuidados odontológicos para pacientes com os seguintes comprometimentos sistêmicos: doença renal crônica, hipertensão arterial e diabetes mellitus.

Fruto da parceria entre UNA-SUS/UFMA e FOUSP, o curso é dividido em três unidades, com carga-horária de 15h cada, e será autoinstrucional (ou seja, o próprio aluno é responsável pelo seu avanço e pode cursar de acordo com seu ritmo de aprendizagem). Conta com recursos educacionais dinâmicos e intuitivos, como livros multimídia, infográficos, games e outros.

Todo o conteúdo do curso encontra-se disponível em três e-books (Cuidados odontológicos de pacientes com diabetes mellitus; Cuidados odontológicos de pacientes com DRC e Cuidados odontológicos de pacientes com hipertensão) na biblioteca virtual Saite Store, na área temática “Odontologia”. Para ter acesso, basta instalar o aplicativo no smartphone ou tablet e baixar os e-books.


Fonte: Comunicação UNA-SUS/UFMA